Auto Europe

  • PORTUGAL
  • Contacte os nossos agentes de reservas

    ALUGUER DE CARROS BARATO EM FLORENÇA

    Aluguer de carros em todo o mundo
    Alamo Rental Car
    Avis Car Rental
    Budget Rental Car
    Dollar Car Rental
    Europcar
    Hertz
    National Car Rental
    Sixt Rent a Car
    Aluguer de carros em todo o mundo
    Descubra as vantagens
    da Auto Europe
    • Compare diferentes empresas e encontre a melhor oferta
    • Cancelamento grátis até 48h antes do levantamento
    • Sem taxas de cartão de crédito
    • Disponível 7 dias por semana
    • 24,000 balcões de levantamento em todo o mundo

    Aluguer de carros em Florença ao melhor preço

    Florença é a capital da região da Toscana e é considerada uma das cidades mais bonitas do mundo pela beleza e riqueza do seu património. O Renascimento teve a sua origem em Florença. Esta cidade é considerada metaforicamente como um museu ao ar livre, já que muitas das suas ruas e ruelas estão repletas de construções arquitectónicas deslumbrantes. No centro da cidade poderá encontrar monumentos e edifícios que exaltam ainda mais a cultura e a história da cidade. Aproveite para visitar a cidade e os seus arredores, no conforto de um aluguer de carros em Florença da Auto Europe! Durante a sua viagem, descubra as influências que artistas famosos como Leonardo da Vinci, Boticelli e Michelangelo deixaram em Florença. Mas não é só do passado que esta cidade se vangloria! Artistas modernos como Gucci e Cavalli também deixam o seu contributo na indústria da moda e na sua cidade natal.

    Descubra as nossas ofertas ao fazer uma pesquisa rápida no motor de reservas localizado no topo desta página e encontre os preços mais baixos para o seu rent a car na cidade de Florença. A Auto Europe pode oferecer uma ampla selecção de veículos aos seus clientes, em Itália e em mais 180 países espalhados por todo o mundo. Esta diversidade de ofertas é resultante da parceria próxima que a nossa empresa mantém com as principais empresas de aluguer nacionais e internacionais. Desfrute de umas férias com liberdade total na região da Toscana e visite as belas cidades de Arezzo, Siena e Pisa. Não perca! A Auto Europe oferece-lhe as melhores tarifas do mercado, bem como um serviço de qualidade aos seus clientes.

    Como é o trânsito em Florença?

    Gostaríamos de informa-lo de que, tal como acontece em outras cidades italianas, o centro da cidade está limitado ao tráfego de veículos, sendo esta área conhecida como Zona de Tráfego Limitado ou ZTL. Nestas zonas só é permitida a circulação de autocarros, táxis e residentes. Para maior cumprimento das regras de trânsito, câmaras de videovigilância foram instaladas nestas zonas ZTL, pelo que circular sem autorização dá origem a uma multa de trânsito. E dependendo do número de câmaras instaladas, o carro pode ser fotografado várias vezes numa questão de minutos. Por isso, recomendamos atenção redobrada aos nossos clientes ao conduzir o seu rent a car em Florença para evitar qualquer surpresa desagradável.

    Caso tenha entrado numa zona ZTL sem querer, aconselhamos a que saia desta zona o mais rápido possível e se foi fotografado por alguma(s) câmara(s) de videovigilância prepare-se para: 1) ser cobrado por uma taxa administrativa pela empresa local e 2) receber a(s) multa(s) em casa. Note que a empresa de aluguer local não paga a multa aos seus clientes. Ao invés disso, ela envia os dados do cliente às autoridades locais e por este serviço cobra uma taxa administrativa. As autoridades locais, por sua vez, irão enviar a multa directamente para a morada do cliente.

    Onde posso estacionar o meu carro de aluguer em Florença?

    Em primeiro lugar, verifique se o hotel onde está instalado possui um parque de estacionamento para clientes no qual pode deixar o seu carro de aluguer estacionado e depois continua a visita pelo centro histórico de Florença a pé. Também pode deixar o seu carro de aluguer num parque de estacionamento situado nos arredores do centro da cidade e continuar o seu percurso utilizando os transportes públicos. Por exemplo, os parques de estacionamento perto da estação de comboios de Santa Maria Novella, da Piazza Ghiberti, da Piazza Beccaria ou da Porta Romana são boas opções para quem quer deixar o seu rent a car estacionado nos arredores e visitar o centro a pé ou de transportes públicos.

    Também existe estacionamento na rua, especialmente nas áreas residenciais fora do centro histórico. Esta pode ser a opção mais barata de estacionamento pago em Florença, mas também é mais difícil de encontrar, já que está a competir com os residentes por essas vagas de estacionamento. Caso esteja num dia de sorte e tenha encontrado um lugar livre, tenha bastante atenção às linhas que delimitam esse lugar de estacionamento. É possível estacionar o seu carro de aluguer nos lugares marcados por linhas azuis. Já as linhas brancas delimitam lugares de estacionamento reservadas para residentes e os lugares com linhas amarelas são reservados a pessoas com deficiência. Depois de estacionar o seu carro num lugar azul, proceda ao pagamento da taxa correspondente no parquímetro que deve estar localizado nas proximidades e coloque o bilhete de forma visível no seu carro de aluguer.

    Aeroporto de Florença

    O Aeroporto de Florença-Peretola está localizado a cerca de 13 quilómetros a noroeste da cidade. É facilmente acessível de carro, numa viagem que deve demorar menos de 30 minutos. Várias companhias aéreas conectam esta bela cidade da região da Toscana ao resto do mundo, tal como a British Airways, a Vueling Airlines, a Flybe ou a CityJet.

    Aeroporto de Florença (FLR)
    Website: Aeroporto de Florença
    Morada:Via del Termine 11, 50127 Florença, Itália
    Telefone: +39 055 30615

    O que fazer em Florença

    Ao alugar um carro em Florença pode desfrutar de toda a liberdade e flexibilidade de que precisa para planear o seu itinerário personalizado. Esta cidade foi o lar de figuras icónicas como Dante, Michelango e da família Medici, entre outros, que tanto contribuíram para a Idade de Ouro florentina. Deixar apenas algumas sugestões do que visitar em Florença não é tarefa fácil, já que esta é uma das cidades mais ricas histórica e culturalmente da Europa. Por isso, deixe-se perder pelas ruas de Florença e absorva tudo o que esta cidade tem para oferecer.

    • Piazza del Duomo: A melhor forma de começar ou de terminar a sua viagem a Florença é nesta praça, um dos lugares mais icónicos da cidade. Aqui poderá deslumbrar-se com a Cattedrale di Santa Maria del Fiore ou Duomo di Firenze, a torre campanária da catedral designada de Campanile di Giotto, o Museo dell'Opera del Duomo e o edifício religioso conhecido como o Battistero di San Giovanni.

    • Ponte Vecchio: Símbolo do romantismo que caracteriza a cidade de Florença, este é um dos maiores marcos da cidade e uma das pontes mais famosas do mundo. Este é um bom local para descansar um pouco depois de visitar a cidade de Florença e de ouvir os artistas locais que escolhem este lugar para fazer as suas performances. A Ponte Vecchio não foi destruída pelos alemães durante a sua retirada na Segunda Guerra Mundial, ao contrário de todas as outras pontes em Florença.

    • Igreja de Santa Croce: Este é o verdadeiro Panteão da cidade de Florença, e também chamado de templo das glórias italianas, já que é aqui que podemos encontrar os túmulos de alguns heróis nacionais como Michelangelo, Machiavelli, Galileo e Rossini. Esta é a maior igreja franciscana do mundo, com 115 metros de comprimento e 38 metros de altura. A igreja foi construída em 1294 no local de uma antiga estrutura religiosa. Arnolfo di Cambio foi contratado para projectar esta igreja que foi consagrada em 1442.

    • Jardins de Boboli: Saiba mais sobre a família Medici ao visitar os Jardins de Boboli no Palácio Pitti. Aprecie as esculturas espalhadas pelos jardins, que datam do século XVI ao século XVIII e também algumas antiguidades romanas. Podemos destacar a maravilhosa Fonte de Neptuno, com uma estátua de bronze de Neptuno datada de 1565-1568 da autoria do escultor Stoldo Lorenzi.

    Excursões de um dia com o meu rent a car a partir de Florença

    Nada melhor do que um aluguer de carros em Florença para se aventurar pelos arredores da cidade e ficar a conhecer mais de Itália. Deixamos aqui quatro dicas de excursões de um dia que pode fazer a partir de Florença para que se possa deixar inspirar durante a sua estadia nesta cidade.

    Siena

    Conduza em direcção a sul por cerca de 100 quilómetros, numa viagem de carro que deve demorar cerca de duas horas e deixe-se deslumbrar com a cidade de Siena, no coração da região da Toscana. Com um centro histórico declarado como Património Mundial pela UNESCO, esta cidade não o irá decepcionar. Se gosta de grandes vistas e está em boa forma física, não pode perder a vista desde a Torre del Mangia na Piazza del Campo. Para isso, só tem de subir os quatrocentos degraus da torre. Não pode deixar a cidade de Siena sem visitar a Catedral de Siena ou o Duomo de Siena, construída durante os séculos XII a XIV.

    Pisa

    Aproveite a sua estadia em Florença para dar um saltinho até à cidade de Pisa, também situada na região da Toscana. Veja com os seus próprios olhos a Torre Inclinada de Pisa, o monumento mais famoso desta cidade e um dos mais famosos de Itália. Coloque-se em posição para tirar uma das fotografias mais icónicas em Pisa, como se estivesse a segurar a torre com as mãos. Descubra a igreja de Santa Maria della Spina nas margens do rio Arno, o Palazzo Blu no coração do centro histórico de Pisa e o jardim botânico Orto Botanico di Pisa que é um dos legados da família Medici. A viagem deve demorar cerca de uma hora e vinte minutos em direcção a oeste, ao longo de 85 quilómetros e no conforto do seu carro de aluguer da Auto Europe.

    Génova

    A cerca de 250 quilómetros de Florença em direcção a noroeste, poderá encontrar a capital da região da Ligúria, a bela cidade de Génova. Faça uma viagem atrás no tempo pelas ruas da cidade e visite os palácios do século XVI na Via Garibaldi. Descubra a influência marítima de Génova no Mediterrâneo na época medieval que se mantém até aos dias de hoje. O porto de Génova é um dos mais importantes portos no Mar Mediterrâneo, sendo o mais movimentado em Itália e um dos mais movimentados da União Europeia. Também pode ver o violino de Paganini e as cartas escritas por Cristóvão Colombo na Câmara Municipal.

    Cinque Terre

    Depois de conhecer a cidade de Génova, e antes de voltar para Florença, aconselhamos a visitar uma das maiores riquezas de Itália, as Cique Terre. Construídas sobre 12 quilómetros de falésias, as povoações de Monterosso, Vernazza, Corniglia, Manarola e Riomaggiore foram declaradas como Património Mundial pela UNESCO. Este é o destino ideal para aqueles que gostam de fazer caminhadas e estar em contacto com a natureza. Parece que estas cinco vilas estão paradas no tempo, onde podemos ver os agricultores a trabalhar a terra como faziam os seus antepassados durante séculos.

    Informação geográfica e histórica

    A cidade de Florença é a capital da região da Toscana, localizada na região central de Itália. A cidade é cercada pelas colinas de Cercina, Fiesole, Setignano e Arcetri. O rio Arno atravessa a cidade. O seu clima é uma combinação entre os climas subtropical húmido e mediterrânico, com Verões quentes, em que as temperaturas máximas podem chegar aos 40°C e Invernos húmidos e frios, onde as temperaturas estão próximas dos -5°C. Poderíamos dizer que esta é uma cidade italiana com fortes contrastes climáticos. No entanto, este é o melhor ponto de partida para uma road trip inesquecível pela região da Toscana, que lhe permitirá descobrir as cidades mais belas e os segredos mais bem guardados desta região italiana.

    A actual cidade Florença foi estabelecida por Júlio César no ano de 59 a.C. como um assentamento para os seus soldados veteranos e foi chamada originalmente de Fluentia e, mais tarde, de Florentia. A cidade viveu um período conturbado durante o domínio ostrogodo e só se estabeleceu a paz durante o domínio lombardo no século VI. Foi em 774 que Carlos Magno conquistou Florença e esta cidade tornou-se parte do Ducato da Toscana. Ao longo do tempo, a cidade transformou-se num importante centro comercial e bancário. De acordo com a enciclopédia britânica, Florença é considerada como uma das cidades mais importantes da Europa e do mundo em termos políticos, económicos e culturais entre os séculos XIV e XVI. A partir do final da Idade Média, o dinheiro florentino - na forma do ouro - financiou o desenvolvimento da indústria em toda a Europa, incluindo o apoio aos reis ingleses durante a Guerra dos Cem Anos.

    Florença é o berço do Renascimento italiano e o lar de uma das famílias nobres mais importantes da história europeia. Os Medici governaram a cidade entre o início do século XV e meados do século XVIII. Lorenzo de Medici foi considerado um mentor político e cultural de Itália no final do século XV. Dois membros da família eram papas no início do século XVI: Leão X e Clemente VII. Catarina de Medici casou-se com o rei Henrique II de França e, após sua morte, reinou como regente em França. Marie de Medici casou-se com Henrique IV de França e deu à luz o futuro rei Luís XIII. Além disso, os Medici reinaram como Grão-Duques de Toscana, começando com Cosimo I de Medici em 1569 e terminando com a morte de Gian Gastone de Medici em 1737.

    Transportes públicos em Florença

    A rede de transportes públicos da cidade de Florença é gerida pela ATAF & LI-NEA e conecta praticamente todos os pontos da cidade. Os passageiros são obrigados a comprar o seu bilhete antes de embarcar. Uma vez a bordo, os bilhetes devem ser validados imediatamente, utilizando as máquinas designadas para o efeito, já que os revisores executam controles nos transportes públicos com bastante regularidade.

    Autocarro

    Os autocarros são amplamente utilizados na cidade de Florença, tanto por moradores, como por visitantes, sendo uma boa opção para se deslocar do estacionamento onde deixou o seu carro de aluguer nos arredores da cidade até ao centro da cidade de Florença. Os bilhetes para os autocarros podem ser comprados nas máquinas electrónicas ou directamente com o condutor do autocarro, mas esta última opção é mais cara e deve pagar o valor exacto, já que eles não dão troco. O bilhete é válido por 90 minutos e durante este período de tempo pode utilizar diferentes autocarros com o mesmo bilhete.

    Eléctrico

    Em 2010, a cidade de Florença inaugurou a sua primeira linha de eléctrico, a T1, que faz a ligação entre a estação de Careggi Ospedale e a de Villa Costanza (Scandicci). Existem máquinas automáticas em todas as 26 paragens da linha T1. Por isso, compre o seu bilhete antes de embarcar. Em 2019 foi inaugurada uma segunda linha de eléctrico, a T2, que faz a ligação entre as paragens de Unità e o Aeroporto de Florença-Peretola.

    Links Úteis

    Turismo Florença

    Voltar ao topo